Sinto muito…

Parece que hoje tudo resolveu me fazer lembrar de nós. Sua escova de dentes já não está com a minha, seus chinelos já não estão jogados na minha sala. Hoje não consegui ser forte. Eu tirei aquela caixa empoeirada, cheia de memórias adormecidas, de cima da estante. Eu me dei o direito de lembrar.

Hoje eu deixei o luto dilacerar meu coração e borrar minha maquiagem. Lembra quando disse que eu era durona e não chorava?

Pois bem… hoje chorei porque sinto muito.

Sinto saudade de receber uma mensagem de madrugada e uma logo ao acordar. Sinto por não ter dividido aquele picolé e por ter sorrido menos do que devia. Sinto por ter ficado parada só te olhando sair por aquela porta, talvez se eu tivesse ao menos sussurrado seu nome você estaria aqui.

Eu sinto tanta coisa que nem sei descrever. Sinto uma angústia inexplicável quando lembro que a gente era muito feliz e jogamos tudo pro ar simplesmente porque… pra falar a verdade eu nem lembro o motivo e sinto muito por isso também.

Eu sinto muito a sua falta. Eu sinto muito a falta de NÓS. Eu sinto muito por sentir tanto e demonstrar tão pouco.